Tudo ou nada!

television-manipulation

Por Blog Liberdade Política

Os principais meios de comunicação do país partiram para o “tudo ou nada”, afobados com a possibilidade do golpe se consumar, utilizam-se do poder das palavras para manipular a massa de manobra e buscar a legitimidade que nunca conseguiriam se estivéssemos o mínimo de imparcialidade que uma concessão pública, à serviço da sociedade em geral, devesse respeitar.

Hoje pela manhã, ao acessar um site de grande visualização, me deparei com um título de uma matéria um tanto quanto previsível, porque já imaginava o teor da matéria, vamos à ela:

sensacionalista

Aí você entra na matéria, achando que determinados Ministros já teriam jogado a toalha, mas não, em nenhum momento aparece o nome de algum que se pronunciou a respeito do tema, nenhum Ministro é citado nominalmente, é tudo na base do subjetivismo. Não há um compromisso com a verdade em informar o leitor de forma correta e imparcial. Na realidade é a opinião dos próprios editores do site, que pertence ao maior grupo de mídia e comunicação do país, e que está à favor do golpe, acho que isso explica tudo.

É uma guerra psicológica contra a população, diariamente bombardeada para todos aqueles, que por sinal a grande maioria, que só leem o título da matéria, que não tem a capacidade de discernimento necessária para saber o que é manipulado ou não. Segundo um grande Jornalista da atualidade, a mídia já é considerado o quarto poder da República, por sua imensa influência nos rumos da sociedade, para o bem ou para o mal, infelizmente.

A Internet, enquanto não houver uma regulação justa do Setor de Meios de Comunicação, é o único canal onde ainda existe pluralidade de opiniões sem que haja qualquer tipo de censura, e devemos lutar para que isso não mude. Porque se o golpe se consumar com todos esses ratos tomando o poder, o maior prejudicado, mais uma vez será a sociedade.

Anúncios

Porque não podem mais nos calar? 60% dos lares têm internet, ora – TIJOLAÇO | “A política, sem polêmica, é a arma das elites.”

web

O IBGE divulgou hoje sua pesquisa sobre o uso de internet no Brasil

Em 2014, 54.4% dos domicílios brasileiros tinham conexão com a web. Mantido o crescimento dos últimos anos, é perfeitamente possível dizer que hoje este número ronda os  os 60%.

Dez anos antes (2004), eram 12%.

Entre os jovens (15 a 30 anos) são 80% ou mais, hoje.

Claro que a rede é dominada – o mundo inteiro é – pelos grandes grupos empresariais. Produzem muita besteira, pouco conteúdo e promovem enormes interesses.

Mas a internet é tão imensa que sobra espaço, como em nenhum outro meio de comunicação, para as pessoas e para as ideias que se opõem à dominação.

E a dominação depende do silêncio, depende que o menino não possa dizer que o rei está nu.

A grande mídia tem a hegemonia dos meios de comunicação e os meios de comunicação têm cada vez mais hegemonia no processo de formação (e deformação) do pensamento coletivo.Porque o que eles defendem é ruim, falso, perverso, desumano.

Têm a hegemonia, mas cada vez menos têm o monopólio.

Porque são gigantes e nós, formiguinhas.

É por isso que eles vão sempre começar ganhando.

E muito provavelmente terminar perdendo.

Fonte: Porque não podem mais nos calar? 60% dos lares têm internet, ora – TIJOLAÇO | “A política, sem polêmica, é a arma das elites.”

Mino: será Moro da CIA? — Conversa Afiada

A perspicácia do Mino Carta é certeira.

Nesse vídeo postado no site da Carta Capital, ele resume brilhante artigo que publica na edição impressa da revista, onde se destaca, também, a entrevista do Ministro Aragão, que não deve deixar dúvida nesses delegados aecistas.

Mino lembra que estudaram nos Estados Unidos técnicas jurisdicionais para combater os petistas o Juiz Moro, os promotores Santos Lima – que foi horizontal no Banestado e é vertical na Lava Jato -, e aquele outro que opera no wi-fi de Deus, o Dallagnol, que quer baixar um AI-5 próprio, seu, exclusivo, para acabar com a corrupção do PT.

Claro, que para os hipócritas só interessa a do PT, porque na hora em que o Marcelo Odebrecht pegou o Aecím e o Padim Pade Cerra, aí, o Dallagnol reagiu, na hora: esse não pode delatar! Não vem ao caso! Continuar lendo